Cuidar de um veículo não é apenas deixar o tanque sempre cheio. Para aumentar a vida útil de um automóvel e garantir a segurança dos seus ocupantes, é necessário monitorar as anormalidades e tomar alguns cuidados para evitar problemas maiores no futuro. Veja neste post 6 detalhes importantes para fazer a correta manutenção do seu carro: Líquidos Fique de olho nos reservatórios de arrefecimento do motor — a famosa olhadinha na água do radiador. Veja o nível do limpador de para-brisas, do óleo do motor, da direção hidráulica e dos freios. Os reservatórios têm indicações de mínimo e máximo e diferenciação por cores para facilitar a observação do respectivo nível. Se você tem dificuldades ou se esquece de verificar os líquidos do seu carro, aproveite quando um frentista lhe oferecer ajuda e observe junto com ele os líquidos do seu carro. Combustível Falando em posto de gasolina, procure sempre abastecer o seu carro em locais que tenham bandeiras oficiais das fornecedoras de combustível. Além disso, fique atento a qualquer comportamento estranho que o motor apresentar, como falhas e engasgos, pois podem ser sintomas de um combustível de má qualidade. Melhor abastecer com combustível comum em um posto confiável do que abastecer com o melhor combustível em um posto duvidoso. Freios Estar com o sistema de frenagem em dia é fundamental para a segurança do condutor, dos passageiros e das pessoas que estão ao redor. Verifique quaisquer anormalidades com os pedais, caso eles estejam duros ou afundando demais, e trepidações ao serem acionados. Pode ser desgaste nas pastilhas ou algum empeno no disco de freio. Ao ajustar os freios no mecânico, aproveite também para olhar o ajuste do freio de estacionamento. Pneus Além de verificar a calibragem dos pneus, observe o grau de desgaste que eles possuem. Pneus calibrados demais desgastam bastante no centro da roda, enquanto os com calibragem abaixo do normal desgastam mais nas laterais. Confira também o alinhamento e o balanceamento, já que eles também são importantes para minimizar o desgaste da banda de rodagem. A calibragem dos pneus deve ser feita com eles frios. E não se esqueça do estepe! Calibre-o com pressão maior, já que ele fica mais tempo parado. Correias O motor do carro possui diversas correias. Do motor, do ar condicionado, do alternador, da direção, etc. Sempre que solicitar uma manutenção no veículo, peça para que o mecânico observe o estado delas. Caso uma correia apresente rachaduras, é sinal de ressecamento da peça. Verifique se elas também não diminuíram de espessura. Caso alguma delas se rompa, isso pode travar o elemento que ela ajuda a se mover. Fique atento. Parte elétrica Verifique o estado da bateria, dos cabos que estão ligados a ela e observe as luzes que se acendem no painel do veículo para identificar o funcionamento normal do sistema elétrico. Confira também os fusíveis, o motor de arranque e o alternador. Algumas luzes são de uso obrigatório. Por isso, observe a situação das lâmpadas de faróis, das luzes de freios, de seta e da marcha à ré. Fique atento a essas dicas e faça uma manutenção preventiva do carro para você andar com segurança! Tenha acesso a outras notícias assinando a nossa newsletter!